Leia sobre decoração vintage

Decoração vintage: um pouco do passado em seu presente

Quando você ouve a palavra vintage, qual é a primeira coisa que vem na sua cabeça? Se você pensou em nostalgia, está no caminho certo. Derivando principalmente das décadas de 40 e 50, a decoração vintage é uma fusão de diversos estilos, que pode imprimir exatamente a personalidade suave, aconchegante e nostálgica que deseja para seu lar. É um estilo de decoração que agrada até os olhos mais exigentes do design.

Pensando em apresentar para você a decoração vintage, o #DreamTeam da InstaCasa preparou um artigo especial com as principais características desse estilo e, também, algumas imagens inspiradoras que podem te ajudar a levar um pouco do passado para o seu presente.

Armário vintage

A história da decoração vintage

O nome vintage refere-se a um tipo de vinho do Porto que possui qualidade excepcional e é proveniente de uma só colheita. Por isso, quando trazemos isso para a arquitetura e decoração, fazemos a analogia de quanto mais velho, melhor.

Como falamos no primeiro parágrafo deste artigo, a decoração vintage surgiu entre as décadas de 40 e 50, também como resultado da segunda guerra mundial, bem como a decoração minimalista, sobre a qual já falamos no Blog InstaCasa

O impacto econômico gerado pela guerra foi muito grande e, o pouco que a população tinha, precisava durar um tempo considerável. Assim, ao invés de vender os móveis, as pessoas optavam por reformá-los. Isso também era válido para os tecidos da casa: as mulheres preferiam tecer cortinas, cobertores, mantas e roupas do que investir quantias consideráveis de dinheiro em novos. 

Mapa com lunetas história vintage

O que não pode faltar em um projeto vintage?

A primeira característica da decoração vintage diz respeito aos móveis. Sabe aquela estante antiga que sua avó ganhou de aniversário de casamento? Ou, ainda, aquela bicicleta que seu pai brincava na infância? Elas podem, perfeitamente, fazer parte da decoração dos ambientes da sua casa hoje!

A decoração vintage abraça trabalhos feitos à mão, papéis de parede floridos, cristaleiras, móveis em madeira, telefones antigos, adereços de porcelana… Tudo isso cabe no pacote de “antiguidades” que amamos e que dão um up à decoração da sua casa, principalmente por, geralmente, carregar traços da sua história e personalidade.  

Um dos itens indispensáveis na decoração vintage são os quadros de molduras antigas (aquelas de madeira que sua avó deve ter em casa, aos montes) e móveis com pés palito. Você pode, também, utilizar telefones, máquinas escrever e fotográficas antigas para garantir o clima nostálgico à decoração. Outra dica é apostar na utilização de garrafas de vidro como vaso para flores, aliando a reutilização de objetos com um visual elegante e alegre na decoração do ambiente.

É super importante, também, se ater à paleta de cores: esse estilo de decoração aposta (e muito) em tons pastéis! Isso se aplica tanto aos revestimentos da casa quanto às mobílias, eletrodomésticos e demais itens decorativos.

Exemplos de decoração vintage

Vintage e retrô são a mesma coisa?

Uma confusão que costuma acontecer na mente de quem pesquisa por decoração vintage é a semelhança existente entre ela e a decoração retrô. 

Apesar de ambas remeterem ao passado, são coisas diferentes em suas próprias aplicações: enquanto o vintage usa e abusa de coisas realmente antigas, o retrô se inspira nessas peças e cria novos móveis e objetos.

E então, ficou fácil de entender e aprender um pouco mais sobre a decoração vintage? Se você curtiu esse artigo e gosta de ler conteúdos sobre arquitetura, tecnologia e decoração, assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades semanais da InstaCasa.

Faça parte do mundo de Arquitetura e Tecnologia para Loteamentos.

Assine nossa Newsletter e descubra como!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.