Tipos de piscina para a sua casa.

Como escolher o tipo de piscina ideal para a sua casa

Quando pensamos em piscina, automaticamente surgem na nossa cabeça imagens divertidas e refrescantes,seja por conta de  lembranças de infância com irmãos e primos ou reuniões familiares na área de lazer. Vamos mergulhar de cabeça nesse tema para ajudar você a escolher o tipo de piscina ideal para ter em sua casa para criar ótimos momentos. 😉

Aqui na InstaCasa, os projetos que possuem piscina, junto com aqueles com churrasqueira, são campeões de pedidos. Isso acontece pois esses são os ambientes de lazer onde recebemos amigos e familiares, tornando a área de lazer atrativo da casa. Ainda, dependendo da região onde a casa será construída, é uma ótima opção para se refrescar no verão.

Imagem: Frente do Projeto Clyde, desenvolvido pela InstaCasa.
Imagem: Frente do Projeto Clyde, desenvolvido pela InstaCasa
Imagem: Fundos do Projeto Clyde, desenvolvido pela InstaCasa
Imagem: Fundos do Projeto Clyde, desenvolvido pela InstaCasa

Tipos de piscina para a sua casa

Enquanto buscam uma piscina ideal para a casa, muitas pessoas encontram diversas opções que cabem em seus sonhos. Mas quando falamos em construir uma piscina  podemos encontrar duas formas de tê-las: instalando um modelo de fibra ou, ainda, construindo-a do zero.

Vantagens e desvantagens das piscinas de fibra

Dos modelos permanentes, as piscinas de fibra, que são encontradas prontas, são as mais vantajosas e mais fáceis de instalar. Isso acontece porque, no geral, são mais baratas. Com esse tipo de piscina, geralmente não é preciso se preocupar com a fundação. Basta abrir o buraco no quintal para encaixá-la, fazer as conexões hidráulicas e dar o acabamento em suas bordas.

Exemplo de piscina de fibra.
Imagem: Blog Piscinas de Fibra

Estes modelos de piscina possuem outra vantagem, possuem uma limpeza mais prática no comparativo com outros materiais, pois tem uma superfície totalmente lisa e sem cantinhos que acumulam sujeira. Se você não quer muita dor de cabeça com manutenção, pode ser uma ótima opção para você. 

Maior segurança também é outra vantagem, uma vez que não possuem arestas que podem machucar as pessoas. Essas piscinas de fibra são, também, extremamente resistentes ao tempo e ao uso, o que pode, também, ser um ponto a favor. 

Neste modelo, talvez a única desvantagem seja a impossibilidade de personalizá-la para ficar do jeitinho que você sempre sonhou, uma vez que são vendidas em modelos pré-definidos.

Quero construir, e agora?

Se você optar por construir sua própria piscina, saiba de 2 coisas; a primeira é que,como qualquer outra construção, exige um bom planejamento e a segunda é que você precisará se preocupar com manutenção constante da piscina. 

Dependendo do volume de água você precisará fazer uma fundação, assim como é necessário fazer para construir a sua casa. Essas piscinas precisam ser assentadas em uma base bem estável, que pode ser de alvenaria, que é mais simples e fácil de fazer, ou de concreto, que é bem mais resistente e menos passível de infiltrações.

Para ter aquela deliciosa água cristalina sempre na sua piscina é necessário adquirir equipamentos para fazer os cuidados principais e manutenções. As principais preocupações em relação aos cuidados constantes giram em torno da limpeza e qualidade da água. Para executar essa manutenção é necessário ficar de olho no ph, filtragem, decantação, aspiração e aplicação do cloro na água, dentre outros.  

Exemplo de piscina de concreto.
Imagem: Quartzolit – Saint-Gobain

Vou construir a piscina, qual material devo escolher?

No vasto mercado de construção, hoje, você pode encontrar duas linhas de piscina, basicamente. São elas:

  • Piscina de alvenaria ou concreto: a piscina de alvenaria ou concreto são as “queridinhas” de quem deseja ousar no design. Elas podem ser feitas com revestimentos de todos os tipos, como, por exemplo, cerâmicas, pedras e pastilhas, que são encontradas em diversas opções de texturas e cores. Caso opte por construir uma piscina dessas, lembre-se que talvez você precise fazer manutenções periódicas, uma vez que o revestimento pode cair ou descolar, mas, em geral, fazer um projeto desses traz os melhores resultados estéticos e funcionais;
Exemplo de revestimento da piscina de alvenaria ou concreto.
Imagem: Quartzolit – Saint-Gobain
  • Piscina de vinil: Ela segue as mesmas características da piscina de alvenaria ou concreto, mas o revestimento é feito com uma manta de vinil. Costuma ter uma instalação mais rápida também. Vale lembrar que o vinil, apesar de ser um material industrializado, pode imitar muito bem outros materiais tradicionais, com as vantagens de ser liso e prático. Ou seja, você encontra vinil que imita pastilhas, texturas e desenhos complexos. Pode, ainda, personalizar o vinil com o desenho que quiser. Uma desvantagem, no entanto, tem relação à resistência do material. O vinil pode desbotar, dependendo do produto utilizado na manutenção da piscina, e pode rasgar se entrar em contato com algum objeto pontiagudo.
Exemplo de piscina com revestimento de Vinil.
Imagem: Fiber Piscinas

Uma piscina digna de Instagram

Existe, ainda, uma gama de piscinas especiais, que são “famosas” em muitos perfis do Instagram. Elas são destaque nas fotos de fim de semana dos influencers ou dos viajantes em clima de férias. Separamos alguns exemplos bem bacanas para você se inspirar:

  • Piscinas de borda infinita: as piscinas de borda infinita criam uma sensação de que a água e paisagem se mesclam criando um visão única. É como se a piscina não tivesse fim. Ela é mais complexa de instalar e também possui custo mais alto, mas é uma ótima opção para quem quer tirar proveito da vista, valorizando o terreno e criando um ambiente muito agradável e elegante.
Exemplo de piscina com borda infinita.
  • Piscinas suspensas ou elevadas: como o próprio nome diz essas são as piscinas construídas  acima da superfície do solo, dispensando uma escavação. Esse diferencial transforma essa piscina em um ponto focal do espaço, trazendo um destaque muito interessante para qualquer ambiente em que for instalada;
Exemplo de piscina suspensa/elevada.
Imagem: Blog Anuar Donato
  • Piscinas de vidro: as piscinas de vidro são sinônimos de sofisticação para a área externa. Esse material costuma ser utilizado quando alguém quer ostentar com sua piscina. Pode ser usada em balanços de lajes, criar uma janela para a lateral ou ser colocada no teto de algum ambiente especial;
Exemplo de piscina de vidro.
Imagem: Blog Arch Glass
  • Piscinas indoor: as piscinas indoors são ideais para quem gosta de relaxar dentro d’água durante o ano inteiro e com privacidade. Geralmente são aquecidas e podem ser integradas com outros ambientes da casa (como sala de estar); a maioria das piscinas interiores são encontradas em hotéis, spas, clubes ou grandes casas.
Imagem de piscina indoor.
Imagem: Revista Casa e Jardim

E então, já decidiu como vai querer a sua piscina? Conta para a nossa equipe nos comentários logo abaixo!

Se achou esse artigo relevante, assine nossa newsletter e fique por dentro dos nossos conteúdos semanais.

Faça parte do mundo de Arquitetura e Tecnologia para Loteamentos.

Assine nossa Newsletter e descubra como!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.